O Promotor de Justiça da comarca de Arapoti Doutor José de Oliveira Junior, depois de analisar o relatório final do processo que corre no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Arapoti; encaminhou uma recomendação pedindo que seja refeito partes do processo.

Já no inicio do processo após uma denuncia anônima que falava de um “Conluio” dentro da câmara de vereadores para favorecer o vereador acusado, o promotor encaminhou um documento a Câmara municipal informando que estaria acompanhando os tramites do processo.

CLICK NO LINK E VEJA A MATÉRIA NA ÉPOCA DA DENUNCIA.
Nesta segunda-feira (13) após perceber um erro nos tramites, que a principio poderia prejudicar o acusado, mas que posteriormente só traria benefícios ao mesmo, pediu que partes do processo seja anulado, e posteriormente refeito da forma correta.

Na manhã desta terça-feira nossa reportagem entrou em contato com a presidência da câmara, que informou ter acatado a recomendação do Ministério Publico. Desta forma esta cancelada a votação que aconteceria durante a sessão ordinária desta quarta-feira (15), que dependendo da votação, poderia por fim ao mandato do vereador Giovane Aparecido Carneiro.

Reações:

Postar um comentário

" Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do VOZ DO POVO. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O VOZ DO POVO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

 
Top