Rebelião: O programa deste Sábado(22), foi atípico devido ao grande espaço de tempo comentando sobre a rebelião na cadeia em Arapoti, observemos que no título das chamadas das notícias, fizemos a questão de intitular de “reais”, porque o radialista e ancora deste programa José Adão, foi o primeiro repórter a comparecer no início da rebelião, isso aconteceu na sexta-feira (21) por volta das 17:00 horas, o texto da matéria do Site Voz do Povo foi a seguinte CADEIA PUBLICA DE ARAPOTI TEM VAGA PARA 24 PRESOS E ESTA ABRIGANDO 76. Narra José Adão “ Isso tudo que está acontecendo já era previsto, o investigador Ângelo falou que a delegacia era um barriu de pólvora prestes a explodir; e falou durante a audiência Publica de segurança, na presença de dois Deputados, dos vereadores que estavam presentes e representantes do prefeito; falou e alguma coisa foi feita para mudar a situação? Não!!! Nesta sexta-feira (21) feriado nacional aconteceu a tentativa de fuga e como não conseguiram fizeram o carcereiro de refém. Tudo começou quando o carcereiro foi recolocar os presos que estavam no banho de sol de volta nas celas, isso por volta das 17 horas desta sexta-feira (20), por sorte havia um investigador que ficou na porta que da acesso ao corredor das celas, no momento que o carcereiro foi atacado por quatro ou cinco presos, o investigador que estava na entrada principal vendo que não poderia fazer nada naquele momento, fechou a porta. Os presos pegaram as chaves das outras celas que estava com o carcereiro e abriram soltaram os outros detentos. 

VEJA MATÉRIA COMPLETA CLICANDO NO LINK

Esta notícia demorou a ser postado no site devido estar atendendo ao chamado da polícia civil que precisava de um representante da imprensa no local, e o radialista José Adão se prontificou entrou nas dependências da delegacia, já que era uma exigência dos detentos, ter um representante da imprensa local, como as negociações não evoluirão José Adão foi pra casa. 

Na manhã de hoje foi chamado por familiares para acompanhar o ocorrido, na oportunidade realizou algumas entrevistas com parentes e familiares dos detentos, vejamos o que elas disseram. Perguntado o que eles estavam vendo até o momento e o real motivo da rebelião, algumas disseram “ é muita gente, o espaço é muito pequeno, uma cadeia que tem espaço para 24 hoje tem 76 pessoas vivendo em condições subumanas, meu marido tem que dormir com outro homem na mesma cama, não tem espaço para ele sequer colocar um colhão no chão, outros estão usando o banheiro para dormir”, outros entrevistados disseram ainda “a alimentação tem dias que é boa, e tem dias que não dá para comer, meu filho reclamou que tem marmitas com arroz queimado, difícil para eles suportarem isso tudo”, e enfatizou “ sei que eles erraram estão preso e tem que pagar por tudo o que fez, mas a situação deles é muito difícil, tem presos que estão aqui e são de outras cidades, estão reivindicando uma transferência deles para amenizar a situação de espaço”, desabafou. Até este momento os familiares encontram do lado de fora da cadeia, sem atenção do poder público municipal, sem orientação de uma Assistente Social, uma ambulância, sem a mínima assistência merecida a um ser humano. 
O programa se estendeu na Rádio Atrativa, os comentários foram muitos, altos picos de audiência. Fica aqui uma pergunta a todos: Os representantes da polícia civil vêm insistentemente afirmando que isso tudo estava preste a acontecer, nas audiências públicas foram debatidos isso tudo, está rebelião confirma a gravidade do problema que estamos vivendo na segurança pública em Arapoti.


Carro da Saúde: CARRO DA SAÚDE É FOTOGRAFADO NO ESTACIONAMENTO DO ATACADÃO DE PONTA GROSSA: Os veículos comprados com recursos públicos são destinados para uso em serviço existem normas e regulamentos para o seu uso. Neste caso o motorista que está conduzindo o veículo não pode usar o veículo em benefício próprio. Do caso em questão o veículo WV/VOYAGE está estacionado no estacionamento do ATACADÃO em Ponta Grossa. Flagrante foi dado no início da noite da última quinta-feira (13) véspera do feriado da Sexta-feira Santa e Domingo de Pascoa. No mínimo estranho, pois segundo as primeiras informações o veículo é usado para levar as pessoas que fazem hemodiálise (Mas tenho a plena certeza que neste local não se faz Hemodiálise). Quem era o motorista ainda não sabemos.

Alerta Mosquito da Dengue: Esta semana recebemos a notícia da morte de uma criança vitimada pelo vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti- CHIKUNGUNYA no município de Quatiguá-Pr, a Secretaria de Saúde acionou o alerta para a população e a confirmação foi da regional de saúde de Jacarezinho, na oportunidade a prefeitura da cidade divulgou o ocorrido e as ações que deverão serem executadas no município.
A preocupação aqui em Arapoti também é visível, devido ao ocorrido conversamos com o Flávio técnico responsável pelas análises das coletas dos agentes da dengue em Arapoti, que participou ativamente da programação da Rádio Atrativa, ele nos repassou as informações dos trabalhos em Arapoti no combate ao mosquito, enviou algumas fotos de ações dos agentes da dengue, enfatizando também a participação de todos os moradores no combate ao mosquito, “escreveu, temos em Arapoti uma população muito grande do mosquito Aedes aegypti, e temos que tomar todos os cuidados, contamos sempre com a ajuda de todos”, cada um fazendo a sua parte, limpando o seu quintal, tomando cuidados como lixo e a prefeitura também fazer a sua parte, piscina a céu aberto no centro administrativo, o chafariz, a praça de skates, que nos dias de chuvas formam-se um grande deposito de agua, locais propícios para a nascimento de muitos mosquitos transmissores do vírus da dengue. 


O programa “Voz do Povo”, que vai ao ar todos dos sábados das 10 ao meio-dia pela Rádio Atrativa, é um relato de todas as notícias que foram destaques durante a semana.
Seja um parceiro da RADIO ATRATIVA, enviem pelo WhatsApp (43) 9 9914.0404, ou pelo site www.vozdopovoarapoti.com.brwww.radioatrativa.com.br, fiquem Conectados na RADIO ATRATIVA, 24 horas no ar, muita música e notícias de hora em hora. 




Reações:

Postar um comentário

 
Top