COISAS QUE ACONTECEM EM ARAPOTI - UM RELATO SOBRE ARAPOTI (SAUDE) NA VISÃO DE JULIANA SOARES BUENO

Como todos sabem o Blog VOZ DO POVO ARAPOTI nasceu há três anos atras para dar voz a população, assim não poderíamos deixar de publicar este relato e dar voz a Juliana.


Você também pode participar enviando seus relatos; basta dar um click no banner "AQUI O POVO FALA" no site do VOZ DO POVO.

RELATO:

Vou contar a vocês um pouco da minha cidade, dentro é claro da minha ótica, diante de fatos que tenho visto e presenciado.

Moro em Arapoti desde de sempre, tenho 33 anos, desde que tenho lembrança, saúde sempre foi um problema nessa cidade; até que em 2001 tive a minha experiencia propria, tive um filho, estava com 18 anos havia perdido liquido o final todo da gravidez, e fui hospitalizada com inicio de trabalho de parto porem não evoluiu e assim mesmo fui força a ter meu filho normal, se é que podemos chamar aquela barbarie de normal. Usaram forceps, me machucaram muito, tive homorragia, fiquei desacordada e meu filho nasceu afogado com a agua do parto, graças ao bom Deus não teve sequelas, fui liberada ao terceiro dia, e no dia seguinte fui hospitalizada novamente com infecção que havia contraido no proprio hospital devido a falta de higiene. Foram dias dificeis, tratei por mais de um ano uma infecção recorrente desde então, o colo do meu utero é dilacerado, quando engravidei da minha filha tive que fazer repouso para não perde la devido ao trauma.

Mas porque estou contando isso? 15 anos se passaram e se voce me perguntar, o que mudou nesse tempo? Nada.

Pelo contrario esta a cada dia pior, atualmente não temos hospital, e o que temos é completamente precario, o Hospital municipal passa por reformas esse ano, mas antes disso partos ja não eram realizados aqui, há anos fecharam o centro cirurgico, e até agora nenhuma providencia foi tomada, mães ganham seus filhos na estrada quase sempre, não estou falando de coisa que não sei, estou falando de coisas que eu vi acontecer, minha cunhada teve seu bebê dentro de uma ambulancia em pirai do Sul, seu bebê teve tres paradas respiratorias e hipotermia devido ao frio da epoca, mâes são colocadas nas aambulancias junto com todo tipo de paciente que se pode imaginar, porque afinal tem que aproveitar a viagem... sai daqui lotada, com pacientes misturados correndo riscos até mesmo de contagios, pessoas, seres humanos tratados feito animais, é isso que tenho visto ocorrer.

E assim que as coisas tem ocorrido aqui, pessoas de maiores posses são tratadas com diferencial, mas os menos favorecidos, só dependem do favor de Deus, pois estão entregues a Deus dará; Poderia relatar aqui muitas historias, ocorridas comigo mesmo, não estou nem falando de outras pessoas, pois certamente se sair as ruas e entrevistar pessoas cada um tem uma histórias escabrosas pra contar relacionada a saúde, ou melhor a falta dela aqui, das vezes que meus filhos precisaram de especialistas e tive que recorrer ao conselho tutelar para conseguir o tratamento necessario.

Falando em especialista, vamos a outro fato, o municipio paga com o dinheiro do povo um cardiologista que vem atender aqui na cidade, que deve ter comprado um diploma, ou não honra seu juramento, porque segundo ele ninguem nunca tem nada, minha mãe esta com 26 dias que passou por uma cirurgia de subistituição da válvula mitral, o mesmo exame que ela levou em Ponta Grossa no Cardiologista de lá, ela levou para o que vem atender aqui, no dia referido, ele pegou os exames da minha mãe olhou de qualquer jeito e disse que ela não tinha nada que os sintomas que ela apresentava era da tireoide, sendo que mesmo um leigo percebia pelo laudo que havia algo errado, tanto que quando ela chegou em Ponta Grossa de imediato o medico disse que seu caso era grave e era cirurgico, e no mesmo dia pediu os exames complementares e foi encaminhada para cirurgia.

O que chama atenção é que conversando com um e outras pessoas percebe se que ele deu o mesmo atendimento a demais pacientes tambem com problemas graves, e fica a pergunta, por que manter um cardiologista que todos sabem é pessimo? só pra dizer que tem um cardiologista? Pagar uma pessoa incompetente com o dinheiro que é do povo, pra tirar as chances de tratamento de pessoas que acabam morrendo por não receberem atendimento e tratamento adequado, quanto absurdo!

Só uma abservação, tenho todos os exames da minha mãe que provam o que digo;

Agora vamos ao tema Segurança, ou a falta dela; Arapoti, a nossa Campos florido deixou de ser florido a algum tempo, estamos enfretando uma crise terrivel na segurança da nossa cidade, cidadões de bem, estão preso em suas casas, pois sair principalmente no periodo noturno virou um pesadelo para muitos, uma cidade com em torno de 30 mil habitantes, conta com 2 policiais por turno, segundo informação dos veiculos de comunicação local, pouco não acham?

Todos os dias sabe se de alguem que foi vitima de furtos, assassinatos, assaltos a estabelecimentos comerciais, residencias e todo tipo de violencia imaginaveis, crimes absurdos e impunes na maioria das vezes; roubos de celulares já é coisa corriqueira por aqui, pais estão proibindo seus filhos de sairem de casa até para estudar de medo que seu filho seja assaltado ou sofra alguma violencia, é uma terra sem lei, sem segurança, o medo paira no ar, a insegurança e a incerteza. 

Estamos vivendo ano de eleições municipais, sei que surgiram promessas e mais promessas, mas o que eu como cidadã quero mesmo saber e quais promessas realmente seram cumpridas? Ou teremos que passar mais quatro anos aturando a falta de saúde, de segurança, isso que nem citei a falta de empregos ainda. 

Um lugar onde os grandes fazem conchavos politicos para impedir que empresas venham para o nosso municipio em prol de interesses proprios pra que assim pessoas sejam obrigadas a trabalharem pra eles por miseros salarios; ou são obrigados a buscarem emprego fora, como é o caso do meu marido, que residindo aqui precisou buscar emprego fora daqui, pois aqui não há... um Jovem se quer ter um futuro profissional tem que ir embora, pois não tem oportunidades para todos, pelo menos não se não apadrinhado. Triste realidade, e penso que futuro teremos, que rumo as coisas ainda precisam tomar para que nossos governantes se atentem para as nossas necessidaes. 

Vou por um trecho referente as eleições passadas para deputado, retirado de G1.

Eleito com 62.713 votos, Marcio Pauliki afirma que pretende

buscar a independência das pequenas e médias cidades da

região. “Vamos arrecadar recursos para toda a região,

principalmente para jovens que procuram o primeiro emprego,

para o contraturno social e para a industrialização dos pequenos

e médios municípios”, diz. Pauliki destaca que também dará

atenção especial para a saúde.

Sabem por que eu citei esse texto desse homem? porque eu ajudei a eleger ele, unicamente por prometido em sua campanha atenção especial a saúde e ainda me lembro do carro de som andando pelas ruas falando que ele pretendia trazer uma maternidade para Arapoti, até agora não vi nada sendo cumprido. 

Meu proposito com esse texto é atrair a midia pra nossa cidade, pra bater em cima da tecla saúde, segurança e emprego. Vou enviar em varios veiculos de comunicação e quero ver o que seram capazes, acredito no poder da midia de fazer politicos se mexerem pra não ficar mal na "foto".

Att,
Juliana Soares Bueno.

OBS: Os erros de português se deve ao fato de que o texto não foi editado e nem alterado, simplesmente copiado e colado.

O TEXTO AQUI DESCRITO NÃO REFLETE A OPINIÃO DO BLOG VOZ DO POVO ARAPOTI; QUE TÃO SOMENTE ESTA CUMPRINDO SEU PAPEL DE DAR VOZ AOS CIDADÃOS ARAPOTIENSES.

Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO












ARAPOTI WEATHER