OUÇA A RÁDIO VOZ DO POVO










Bolsonaro sanciona piso salarial de R$ 4,7 mil para enfermeiros

Foi sancionado o piso salarial de 4 mil e setecentos reais para enfermeiros. Técnicos de enfermagem receberão mais de 3 mil reais. Já os auxiliares de enfermagem e parteiras contarão com 2 mil e trezentos.

IMAGEM: RADIO SENADO
Pela lei sancionada, os enfermeiros de todo o país terão um piso salarial de R$ 4.750.00 Já os técnicos de enfermagem receberão R$ 3.325,00 enquanto os auxiliares e parteiras terão um vencimento de R$ 2.375.00.


Os novos valores entram em vigor imediatamente após a publicação no diário oficial da união. Mas estão mantidos os salários superiores ao do piso da categoria, que precisou de uma mudança na constituição para estabelecer que uma lei federal definisse os valores.


O autor da proposta, senador Fabiano Contarato, do PT do Espírito Santo, lembrou que esses profissionais lutam pelo piso salarial há muito tempo. Isso é uma reparação histórica. É uma luta de décadas uma categoria, que vem almejando por dignidade, porque esses profissionais passaram a pandemia pagando com a própria vida para nos proteger o senador destacou que a nova lei vai beneficiar as populações feminina e negra, que são maioria na área de enfermagem.


Esse projeto também é um projeto da pauta feminina, porque, dos 2,7 milhões de profissionais, 85% são de mulheres. Esse é um projeto também da população negra e parda, porque mais de 53% desses profissionais são compostos de negros e pardos.


O presidente Jair Bolsonaro vetou o reajuste anual do piso salarial da categoria com base na inflação calculada pelo índice nacional de preços ao consumidor, o INPC. Da rádio senado, Pedro Pincer.

Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO











ARAPOTI WEATHER