TV ARAPOTI - 24 HORAS COM VOCE!!!







Click na imagem e conheça um pouco mais da Loja Patrícia




Estado inicia vacinação contra a gripe em idosos e professores


 A secretaria estadual da Saúde inicia nesta terça-feira a segunda fase da campanha de vacinação contra a gripe. Nesta etapa, que deve seguir até o dia 8 de junho, vão ser imunizados idosos com 60 anos ou mais e professores da rede pública e privada. Cerca de 1.949.851 paranaenses se enquadram nestes grupos. Segundo a Rede Nacional de Dados em Saúde, de 12 de abril até segunda-feira, período que abrangeu o primeiro grupo, o Paraná havia imunizado pouco mais de 494 mil e 600 pessoas contra a Influenza. Este número representa 38,5% do quantitativo de convocados.

 O Estado recebeu 1 milhão e 300 mil doses do imunizante enviados pelo Governo Federal para cobertura desta fase. Segundo o secretário da Saúde, Beto Preto, é essencial que a população se conscientize que mesmo durante a pandemia, a imunização contra a gripe também é importante.Na primeira fase, a cobertura vacinal, de acordo com a estimativa de cada grupo, fechou em 61,9% para indígenas, 45,1% mulheres que tiveram filho recentemente, 42,3% crianças, 40,5% gestantes e 23,4% profissionais de saúde. Ainda de acordo com o sistema nacional, o Paraná é o quarto estado no ranking de doses aplicadas, atrás de São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

 A estimativa do Ministério da Saúde é de que pelo menos 4 milhões e 400 mil pessoas sejam vacinadas no Paraná durante toda a campanha. O número corresponde a 90% do público-alvo, meta estabelecida pela pasta. Na terceira etapa, de 9 de junho e 9 de julho, vão ser vacinados os seguintes grupos: pessoas com comorbidades, deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema de privação de liberdade, população privadas de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas. A orientação do Ministério da Saúde é de que pessoas que se vacinaram contra a Covid-19 devem aguardar de 14 a 21 dias para tomar a vacina contra a Influenza. (Repórter: Marcelo Galliano)

Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO











ARAPOTI WEATHER