POLICIAL MESMO DE FOLGA, INVADE RESIDÊNCIA E SALVA MULHER QUE ESTAVA SENDO ESGANADA PELO MARIDO.


No ultimo dia 13/10, por volta das 21h40min, o Soldado Faria estava de folga, e voltava da igreja com sua família, quando passava pela Rua sete de setembro no centro, notou que a sua frente, havia uma grande aglomeração de pessoas, e as mesmas estavam apavoradas. 

No local, as pessoas pediam socorro, pois não sabiam o que fazer, um homem estava espancando sua esposa, e pouco antes tinha jogado o gato de estimação de sua filha da sacada do prédio e ameaçou jogar a mulher, e a filha do casal, que gritava por socorro. 

Mas muito pouco podia se fazer, pois a residência estava parcialmente fechada, somente a porta de vidro da sacada estava aberta. As pessoas que estavam na rua, e nos prédios vizinhos temiam pela vida da criança e da mulher. 

Em conversa com alguns populares, estes disseram que já fazia algum tempo que tinham ligado para a PM, mas a equipe estava em outra ocorrência. Ao ouvir os gritos da criança que pedia socorro, o Soldado, mesmo desarmado decidiu tentar socorrer a mãe e filha. Após um breve reconhecimento do local, o policial percebeu que tinha condições de entrar pelo apartamento da vizinha que dava acesso a sacada da vítima. 

Como o policial não estava armado, conversou com dois rapazes e pediu ajuda, disse que iria entrar pela casa da vizinha e perguntou se os rapazes poderiam acompanha-lo e caso fosse necessário poderiam dar cobertura. Os rapazes concordaram. Então o soldado subiu as escadas da casa da vizinha com todo cuidado, evitando fazer barulho, pois não sabia o que iria encontrar pela frente, o agressor poderia estar armado. 

Com certa dificuldade o policial chegou até a sacada e conseguiu olhar rapidamente para dentro do imóvel e ver onde a vitima estava encurralada. Ela estava encostada na parede e o agressor tentava enforca-la. 

Neste momento o policial num ato de bravura, rapidamente correu em direção ao agressor e com uma chave de braço em seu pescoço (Mata leão) conseguiu retirar o agressor de perto da vitima. Por alguns segundos o agressor apagou, tempo suficiente para a esposa que estava sendo esganada se proteger e proteger a filha. Quando o agressor se recuperou do mata leão, estava mais calmo. O soldado Faria informou ao agressor que era policial militar e que estava ali para ajudá-los, neste momento o homem começou a chorar. 

O soldado pediu para que retirassem a criança do local para ela se acalmar, pois a criança estava chorando e perguntava a todo momento pelo seu gatinho. Ainda em conversa com o agressor, Farias disse que o mesmo poderia ser preso se caso sua mulher decidisse representar contra ele. 

A vítima estava com o olho roxo, e chorando muito agradeceu ao policial por ter salvado sua vida; mas no momento em que lhe foi perguntado se a mesma queria representar contra seu marido, ela respondeu que já houve varias outras situações, e na última teria feito a denuncia, mas depois teve que gastar um bom dinheiro para retirar o esposo da cadeia. Então afirmou que desta vez não iria representar contra seu marido. 

Passado alguns minutos uma viatura da PM chegou ao local com o 1º ten. Lúcio e o 1º sarg. Daurlin. Então o Soldado Faria repassou tudo que teria acontecido no local para o comandante que assumiu o caso a partir daquele momento. 

O Soldado Faria seguiu para sua casa com a família e o sentimento de dever cumprido. 

Postar um comentário

0 Comentários


KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO












ARAPOTI WEATHER