Depois que surgiram alguns comentários nos corredores da prefeitura e do Centro Administrativo Municipal (CAM),de que a Secretaria de Educação e Cultura havia sido exonerada do cargo, procuramos a Rosi Rogenski Ferreira, para saber a realidade dos fatos. 

Rosi disse que não é como estão comentando nos corredores, “que ela foi exonerada”. Mas que na verdade o pedido de exoneração foi a própria Rosi quem pediu para sair. Mas não quis entrar em detalhes sobre os motivos que a levaram a pedir sua exoneração, e se limitou a dizer que vai permanecer no cargo até que a prefeita indique alguém para o seu lugar. 

Perguntamos a Rosi se o motivo do afastamento seria uma provável candidatura à prefeita e a resposta foi seca “NÃO!”. Mas mesmo que o motivo seja este, Rosi não vai confirmar a possível candidatura neste momento. 

O certo é que o pedido de exoneração foi entregue a prefeita Nerilda Penna. Agora vamos aguardar os próximos capítulos dessa novela chamada “POLITICA”.
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top