Capacidade produtiva dos cooperados pode ser conferida na 47ª edição da Expoleite, feira que será realizada em julho no Paraná.


A CAPAL negocia 9 milhões de litros de leite por mês. Essa quantidade, registrada em junho deste ano, é 12% maior que o mesmo período de 2018 e quatro vezes superior à média nacional, que variou entre 3% e 3,5% o crescimento. Os visitantes da 47ª Expoleite, feira organizada pela CAPAL e que será realizada entre 25 e 27 de julho em Arapoti (PR), poderão conferir de perto a qualidade dos animais da região.

Segundo o coordenador de pecuária leiteira da CAPAL, Roberto Caldeira, o primeiro semestre deste ano foi excelente para o produtor da cooperativa, superando a média brasileira de produção. No período, houve boas condições para produção (maior oferta), com o cenário internacional e o câmbio voltando a favorecer as importações. Além disso, a disponibilidade financeira per capita cresceu. Entretanto, no segundo semestre, apesar da produção (em volume) continuar subindo, os preços não deverão acompanhar essa tendência, já que, até o momento, é apontada piora na perspectiva do Produto Interno Bruto (PIB).

“Deve haver uma redução no valor por litro devido ao impasse na economia do País. O consumo de leite UHT e de derivados, como muçarela e iogurte, além das férias escolares, impactam essa redução do valor”, explica Caldeira.

O coordenador da CAPAL destaca a capacidade de gestão dos cooperados, ou seja, mesmo com uma queda no valor, com um trabalho profissional na propriedade o produtor deve trabalhar para a redução dos custos e, assim, manter a margem de rentabilidade com a produção em alta. Os cooperados produzem uma média de 2,5 mil litros de leite/dia, com uma média de produção por vaca de 28 litros. 

Programação da Expoleite
No dia 25 de manhã serão realizados o Clube de Bezerras e o Clube Infantil, além da palestra sobre economia rural ministrada por Tobias Katsman, zootecnista e produtor de leite. No período da tarde será a vez do primeiro julgamento da Feira, do gado jovem holandês Vermelho e Branco, seguido do adulto da mesma variedade. Também está na programação do primeiro dia a palestra “Mulheres Cooperativistas”, ministrada pelo professor da Fundação Getúlio Vargas e CEO do Grupo Datacenso, Claudio Shimoyama.

No dia seguinte pela manhã o prêmio “Qualidade do Leite” será entregue. A palestra principal, ministrada pelo professor, escritor e referência em gestão de vendas, marketing e agronegócio, José Luiz Tejon, também acontece no segundo dia. A palestra “Leite, cooperação e superação” focará na produção leiteira. À tarde, será realizado o julgamento do gado jovem holandês Preto e Branco e a palestra com tema da área agrícola, desta vez com o representante da empresa FC Stone.

No último dia de evento, sábado, será realizada a Copa dos Puxadores, o julgamento do gado adulto holandês Preto e Branco e as premiações.

Serviço
47ª Expoleite
Quando: 25 a 27 de julho
Onde: Parque de Exposições CAPAL
Rua Luís Binoto, 164, Arapoti (PR)
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top