Prazo para retirar o dinheiro termina em 28 de junho; valor disponível para saque chega a R$ 1,53 bilhão.


Os trabalhadores que ainda não sacaram o Abono Salarial ano-base 2017 têm até o dia 28 de junho para procurar uma agência bancária e retirar o dinheiro. Mais de 2,33 milhões de pessoas com direito ao benefício ainda não resgataram o recurso. Elas representam aproximadamente 10% do total. O valor disponível para saque chega a R$ 1,53 bilhão.

A maior parte desse montante disponível está na região Nordeste, onde 642.074 trabalhadores não sacaram o recurso, principalmente nos estados do Maranhão, Bahia e Sergipe. A segunda região com maior número de pessoas com valores a receber é o Sul, com destaque para o Rio Grande Sul, onde mais de 584 mil beneficiários ainda não sacaram R$ 380 milhões disponíveis (veja tabela abaixo).

O Abono Salarial ano-base 2017 começou a ser pago em 26 de julho de 2018. Desde então, já foram pagos 22,28 milhões de trabalhadores, o que representa 90,51% do total. Os valores sacados até 8 de maio (última atualização) somam R$ 17,17 bilhões. Os empregados da iniciativa privada, vinculados ao PIS, sacam o dinheiro na Caixa. Para os funcionários públicos (Pasep), a referência é o Banco do Brasil.

Tem direito ao abono salarial calendário 2018/2019 quem estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2017 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Além disso, é preciso que os dados do trabalhador tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). 

O valor a que cada pessoa tem direito é proporcional ao tempo trabalhado formalmente no ano-base. Quem esteve empregado por todo o ano recebe o equivalente a um salário mínimo (R$ 998); quem trabalhou por apenas 30 dias pode sacar o valor mínimo, que é de R$ 84 – o equivalente a 1/12 do salário mínimo.


UF
Trabalhadores com Direito ao Benefício
Valor Total Pago
Benefícios não pagos
Valores disponíveis para Saque (R$)
Identificados
Pagos
Taxa Cobertura
(R$)
NORTE
3.402.327
3.138.303
92,24%
2.460.559.734,30
264.024
178.940.912,19
AC
64.890
60.526
93,27%
47.571.861,70
4.364
2.744.644,96
AM
327.547
297.182
90,73%
227.691.256,84
30.365
20.632.451,06
AP
290.712
266.127
91,54%
202.765.961,20
24.585
17.019.357,40
PA  
154.434
136.729
88,54%
116.182.859,30
17.705
12.244.986,83
RO
1.260.595
1.192.710
94,61%
937.498.946,84
67.885
44.818.244,47
RR
870.518
815.340
93,66%
640.263.977,94
55.178
34.972.892,52
TO
433.631
369.689
85,25%
288.584.870,48
63.942
46.508.334,95
NORDESTE
7.318.791
6.676.717
91,23%
5.181.593.080,46
642.074
420.956.353,37            
AL
518.744
474.976
91,56%
371.579.065,12
43.768
28.984.523,29
BA
944.343
861.981
91,28%
661.693.929,64
82.362
50.849.286,97
CE
474.287
434.007
91,51%
347.275.641,76
40.280
27.041.425,60
MA
2.671.285
2.425.764
90,81%
1.867.239.522,36
245.521
166.287.715,24
PB
389.979
353.107
90,55%
271.310.655,20
36.872
22.781.118,84
PE
463.062
408.631
88,25%
310.497.205,84
54.431
33.388.136,51
PI
532.056
477.884
89,82%
373.905.301,96
54.172
34.764.004,88
RN
376.120
353.973
94,11%
284.655.013,66
22.147
15.158.117,13
SE
948.915
886.394
93,41%
693.436.744,92
62.521
41.702.024,92
CENTRO-OESTE
4.204.770
3.779.645
89,89%
2.896.524.776,60
425.125
276.675.107,79
DF
255.888
236.786
92,54%
183.842.578,56
19.102
14.257.060,51
GO
1.591.159
1.420.487
89,27%
1.077.211.558,96
170.672
110.152.117,50
MT
365.550
341.402
93,39%
270.327.029,56
24.148
15.763.506,36
MS
1.992.173
1.780.970
89,40%
1.365.143.609,52
211.203
136.502.423,43
SUDESTE
3.392.627
3.014.653
88,86%
2.337.902.953,52
377.974
247.082.767,66
ES
207.684
187.625
90,34%
144.748.554,80
20.059
13.274.954,74
MG
331.996
297.257
89,54%
260.761.315,40
34.739
24.587.113,67
RJ
1.543.632
1.370.972
88,81%
1.035.510.782,00
172.660
112.914.785,81
SP
1.309.315
1.158.799
88,50%
896.882.301,32
150.516
96.305.913,45
SUL
6.308.921
5.680.419
90,04%
4.293.422.451,37
628.502
410.050.992,48
PR
289.381
264.129
91,27%
213.622.223,68
25.252
17.362.734,53
RS
5.853.650
5.269.509
90,02%
3.965.900.847,81
584.141
380.260.008,43
SC
165.890
146.781
88,48%
113.899.379,88
19.109
12.428.249,53
TOTAL BRASIL
24.627.436
22.289.737
90,51%
17.170.002.996,25
2.337.699
1.533.706.133,51

Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top