Alunos, professores, pais e a comunidade em geral fizeram uma manifestação pacífica em prol da segurança pública em Jaguariaíva. 

O ponto de partida foram às ameaças que a diretora, professores e alunos do Colégio Estadual Nilo Peçanha vem sofrendo por parte de ex-alunos, que mesmo não estando estudando, entram nas dependências do colégio como se fossem donos. 


Segundo o que a diretora expôs durante sua fala na câmara de vereadores, um desses ex-alunos invadiu o colégio e na hora da saída, agrediu um aluno ainda dentro do colégio. A diretora e professores cansados de conviver com esta situação interviram a favor do aluno agredido e fizeram um boletim de ocorrência contra o agressor. A partir deste momento viraram alvos de ameaças. 

Ainda segundo a diretora, por muito tempo ela se calou, mas que diante desta situação teria que tomar uma atitude, em respeito aos alunos que querem estudar. 

Foram enviados ofícios a Polícia Militar, aos Vereadores e Prefeito que aderiram à causa e fizeram uma “Moção de Apelo” para ser encaminhada ao Governador Ratinho Junior e ao Secretário de segurança pública do Estado solicitando o aumento do efetivo policial do município. 


Na câmara de vereadores, além dos vereadores presentes, também estava o prefeito José Sloboda o “Juca” que disse estar dando total apoio a causa e afirmou que o município não vai ficar refém de dois ou três bandidinhos. Que varias ações estão sendo tomadas, inclusive um pedido de prisão preventiva dos envolvidos foi encaminhada ao Juiz e a demora se deve ao fato da juíza titular estar de férias e o substituto é o de Wenceslau Braz. 

Ao final o presidente da câmara, vereador Adilson parabenizou a atitude de todos em se mobilizar contra uma meia dúzia de baderneiros e mais uma vez ressaltou que a câmara de vereadores estará dando todo o apoio aos manifestantes.





Reações:

Postar um comentário

 
Top