A operação teve inicio às 14h do dia 1º de março de 2019 e encerrada às 12h do dia 06 de março de 2019.


A Operação contou com a intensificação de policiamento em forma de blitz, bloqueios, policiamento presença, utilização de radares móveis e etilômetros em pontos críticos (locais de maior ocorrência de acidentes) e em diversos outros locais.

O objetivo geral da operação, que era a diminuição dos acidentes, foi atingido de maneira significativa, conforme demonstram os números estatísticos. 

Temos a certeza que o esforço policial aplicado de maneira extraordinária e ininterrupta gerou os efeitos positivos esperados, mas também agradecemos aos amigos da imprensa em geral por possibilitar que nossas dicas de segurança veicular com a conscientização dos condutores e dos pedestres fossem transmitidas de maneira satisfatória. 

Tivemos neste período de carnaval, na área da 5ª Cia, que abrange uma totalidade de 43 municípios, a diminuição de 8,7% de acidentes e 43,48% de pessoas feridas.

São dados com redução significativa levando em consideração a crescente frota de veículos a circular pelas rodovias estaduais.

Infelizmente houve o registro de um óbito proveniente de um atropelamento no município de Sapopema (PR-090), mantendo estável a estatística neste ponto em comparação com o carnaval do ano de 2018. 

A 5ª Companhia do Batalhão de Polícia Rodoviária permanece atenta e trabalhando diuturnamente e de forma ininterrupta. Se alguém notar qualquer tipo de irregularidade ou estiver em situação de emergência pode entrar em contato por meio do telefone 198.

BATALHÃO DE POLÍCIA RODOVIÁRIA
VIDA, Nosso Maior Patrimônio!
Reações:

Postar um comentário

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do VOZ DO POVO. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O VOZ DO POVO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

 
Top