A partir desta segunda-feira (7), os moradores dos estados da região Nordeste, de São Paulo, Minas Gerais, Amapá, Amazonas, Pará e Roraima que possuem celulares irregulares vão começar a receber mensagens de alerta dizendo que os aparelhos serão bloqueados a partir do dia 24 de março.

De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel, o bloqueio vai começar exatamente 75 dias após o início do envio das mensagens. Segundo a agência reguladora, essa medida pretende combater o uso de celulares falsificados, clonados, sem certificação ou com IMEI adulterado.

O IMEI é o número de identificação do celular. No total, são 15 números que permitem fazer a identificação da marca e do modelo do aparelho. Além disso, a ação visa inibir a comercialização de aparelhos que não estão homologados no país.

Se você quiser saber se o número de IMEI é legal, basta discar *#06#. Se a numeração que aparecer for a mesma que aparece na caixa, o aparelho é regular. Se não for igual, há uma grande chance de o aparelho ser irregular.

Caso você perceba que a sua situação é irregular, procure a empresa ou a pessoa que te vendeu o aparelho e busque seus direitos como consumidor.

Reportagem, Cintia Moreira
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top