Foi por pouco. A torcida do Palmeiras estava esperançosa com a possibilidade de sacramentar o título de campeão do Brasileirão na noite desta quarta. A equipe só não fez a festa, porque o Flamengo fez a parte dele e ainda mantém uma chance mínima de levantar a taça.

Mas mesmo sem o título antecipado, teve festa. Depois de um primeiro tempo meio nervoso e sem criatividade, o time comandado por Felipão voltou no segundo tempo como uma máquina e não perdoou o América de Minas, cada vez mais enrolado na zona do rebaixamento. Luan abriu o placar na Arena Palmeiras lotada, com mais de 39 mil torcedores, aos 13 da segunda etapa. Aos 30 foi a vez de William marcar, e aí começou o atropelo. Dudu aumentou aos 32 com um belo gol e Deyverson fechou a conta aos 36 minutos. Final, Palmeiras quatro, América zero. Agora o Palmeiras está à dois pontos do título, enquanto o América amarga a 17ª posição, o primeiro time na zona de rebaixamento.

E o Palmeiras só não fez a festa do título porque no Maracanã o Flamengo venceu o Grêmio por dois a zero. Uribe abriu o placar e Diego ampliou para o Rubro Negro, que permanece cinco pontos atrás do Verdão com mais seis a serem disputados. Enquanto tiver cheirinho, haverá esperança!

Já o Internacional deu adeus à disputa do título, pois perdeu em casa para o Atlético Mineiro por dois a um e ficou nove pontos atrás do líder. O Galo vai encaminhando a vaga na pré-Libertadores. Só não confirmou ainda porque o Atlético Paranaense segue na briga, e ontem fez a parte dele para manter o sonho vivo, derrotando o Corinthians por um a zero. Na Vila Belmiro, Santos e Botafogo deram adeus à qualquer chance de disputarem o campeonato continental depois de empatarem em um a um. Cumprindo tabela, o Cruzeiro mostrou mais uma vez que está sobrando em campo e complicou a vida do Vitória, que continua na briga contra o rebaixamento. Três a zero para a Raposa, dois gols de Fred.

E tem mais partidas pelo Brasileirão nesta quinta-feira. Para espantar a chance de rebaixamento, o Vasco precisará vencer o São Paulo em São Januário. Chapecoense e Sport fazem duelo direto para ver quem escapa do rebaixamento. Fechando a rodada, Bahia e Fluminense se encaram na Arena Fonte Nova, enquanto o Ceará tenta sacramentar a permanência na série A diante do já rebaixado Paraná.


Reportagem, Raphael Costa
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top