A sessão extraordinária da tarde desta quinta-feira na Câmara Municipal de Arapoti pôs fim ao mandato de vereador de Giovane Aparecido Carneiro (PP) A sessão de julgamento durou mais de cinco horas. Giovanni Carneiro foi impedido de votar por ter interesse direto no resultado e foi substituído por Silvio Lopes (PP). O vereador acusado não compareceu na sessão, mas seu representante legal, o advogado Nelson Luiz Filho fez sua defesa.

O vereador Marineo Ferreira (PTB), também impedido de votar por ser cunhado do acusado, foi substituído por seu suplente Douglas Guerreiro (PTB). 

Vereador Ricardo Rodrigues Pedroso (PPS) foi o relator do Conselho de ética e Decoro Parlamentar e em seu relatório indicou a cassação do mandato que foi acatado pelos membros do conselho na ultima segunda-feira (22) e hoje aprovado no plenário por oito votos a zero (abstenção). 

Foi convocado para a próxima segunda-feira (29), uma sessão extraordinária onde Silvio Lopes assume cadeira no Legislativo em definitivo.


Reações:

Postar um comentário

 
Top