O Conselho de Ética designado para investigar acusação contra o vereador Giovane Aparecido Carneiro (PP), denunciado por quebra de decoro parlamentar emitiu um parecer para dar continuidade à investigação. 

Ricardo Rodrigues Pedroso (Relator), Zildinei Ferreira (Presidente) e Victor Brondani (Membro) entenderam que há pontos que precisam ser mais bem esclarecidos e vão prosseguir investigando. A defesa do vereador Giovane terá quinze dias uteis para apresentar provas e fazer sua defesa.
 

Na sequencia o Conselho ira pedir toda a documentação que esta anexada na denuncia do ministério publico, ouvir testemunhas e depois apresentar o parecer definitivo, para que seja votado em plenário. 

Segundo os membros do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, Dar continuidade a investigação é a melhor forma de dar um parecer justo a todos os envolvidos.


Durante as investigações o Vereador denunciado poderá fazer sua defesa da melhor forma possível. A denunciante e a população terão a certeza de que tudo foi feito de uma forma transparente e justa.
Reações:

Postar um comentário

 
Top