A greve dos caminhoneiros prestes há completar uma semana e segue forte no Paraná. Neste sábado (26), foram contabilizadas pela Polícia Rodoviária Federal e Estadual cerca de 250 manifestações, sete a mais do que na sexta-feira (25). 

Em todo o estado, caminhoneiros seguem parados nos acostamentos e faixas de rodovias em protesto contra o aumento do preço do diesel, preços dos pedágios, entre outras demandas. A mobilização é nacional. 


A governadora do Paraná, Cida Borghetti (PP), disse nesta sexta-feira (25) que as forças policiais não serão utilizadas para liberar as estradas. A governadora afirmou que já comunicou o governo federal de que não há necessidade do uso de forças federais no Paraná. Ainda segundo Cida, os caminhoneiros estão cumprindo acordo para manter serviços essenciais à população paranaense. 


Em Arapoti os caminhoneiros saíram em carreata pelas principais ruas da cidade na manhã deste sábado (26) O VP NEWS acompanhou e falou com alguns manifestantes. 


Segundo o caminhoneiro aposentado Jurandir Matos que esta apoiando a paralisação, em Arapoti a rodovia PR-092 não esta fechada e os caminhoneiros estão liberando os caminhões de ração, produtos perecíveis, produtos químicos e caminhões de combustível para os serviços essenciais como Ambulâncias, Policia, e Defesa Civil. 


 confirmou que a paralisação vai continuar!








Reações:

Postar um comentário

 
Top