PROMOTORIA DE JUSTIÇA INSTAURA INQUÉRITO CIVIL PUBLICO PARA INVESTIGAR VEREADOR ACUSADO DE SUPOSTAMENTE TER INDUZIDO COMERCIANTE AO ERRO.


Segundo oque diz o documento que se espalhou pelas redes sociais, o promotor de justiça Doutor José de Oliveira Junior abriu um inquérito civil publico para apurar a denuncia contida em um relatório de inspeção, encaminhado pela Secretaria de Vigilância Sanitária. 

Neste relatório consta a declaração da proprietária do estabelecimento comercial, que diz ter sido induzida ao erro pelo vereador Giovane Aparecido Carneiro, quando o mesmo afirmou ter conseguido junto a Vigilância Sanitária do município e ao prefeito a licença para o estabelecimento produzir produtos que não estava autorizado. Desta maneira quando o estabelecimento recebeu a visita da equipe de vigilância sanitária, foi autuado por estar comercializando os produtos sem a devida autorização; já que a autorização supostamente falada pelo Vereador nunca existiu. 

Nossa reportagem procurou o Vereador Giovane Aparecido Carneiro que se limitou a dizer que não iria falar no momento, e que primeiro precisava conhecer o teor da denuncia com seus advogados; posteriormente se for o caso, procura a redação do VOZ DO POVO para falar sobre o assunto.





Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO












ARAPOTI WEATHER