A Polícia Civil e a Polícia Militar divulgaram dicas para estudantes, pais e responsáveis para o ano letivo de 2018.


Parte dos alunos de colégios particulares já havia retornado às atividades, mas aqueles que estudam na rede pública iniciaram as aulas nesta segunda-feira (19).

Os cuidados começam no trânsito. Com a retomada do calendário escolar aumenta significativamente o número de carros e pessoas nas ruas da cidade, onde a atenção de pedestres e motoristas deve ser redobrada a fim de evitar acidentes, principalmente em horários de pico, que corresponde ao início e término de período das aulas de segunda a sexta-feira.


Em Curitiba, por exemplo, o volume de veículos em circulação na cidade nos horários de pico aumenta em até 30% em função da movimentação de estudantes. Nas vias próximas a escolas, creches e outras instituições de ensino, esse índice sobe para 40%. Os dados são da Superintendência de Trânsito de Curitiba (Setran).

A polícia reforça que os pais devem tomar alguns cuidados especiais, principalmente na hora de levar e buscar as crianças na escola. Sempre que for deixar a aluno é importante que ele desça com o veículo parado e do lado da calçada, para que a descida seja com segurança. Além disso, é importante usar a cadeirinha, o assento elevado e o cinto de segurança, respeitando o equipamento para cada idade.

Outra recomendação é observar se não há ninguém suspeito nas proximidades, pois os criminosos aproveitam o momento de distração para cometer os roubos. Importante também não mexer em bolsas ou carteiras para entrega de dinheiro para as crianças, segundo a Polícia Civil. No caso de usar o transporte público, a dica é manter carteira e mochilas na frente do corpo.

Especificamente no transporte escolar particular, a orientação é verificar o alvará de circulação, condições de conservação e segurança do veículo, além de pedir referências e orientar as crianças para prestarem atenção à conduta do motorista no trânsito. É preciso também prestar atenção no contrato e nas condições de pagamento.

Confira:

Crianças não devem carregar celulares sozinhas de forma aparente para não atrair a ação de criminosos. Também não devem usar o aparelho ao atravessar a rua e descer de veículos;

Não atravessar a rua na frente ou atrás do ônibus, esperar a saída do veículo para que tiver visão completa da via;

Respeitar as regras do trânsito;

Não parar em fila dupla ou sobre as faixas de pedestres;

As crianças devem descer do veículo pelo lado da calçada;

Até dez anos, as crianças devem ir ao banco de trás e com cinto de segurança. Os menores devem ser transportados na cadeirinha de segurança ou assento de elevação adequada à idade;

Atenção dos pais antes de sair de casa. Observar se não há ninguém suspeito nas proximidades, pois os criminosos aproveitam o momento de distração para praticar os assaltos;

Evitar mexer em bolsas ou carteiras para entrega de dinheiro para as crianças. Seja no trânsito ou na proximidade da escola;

Caso a criança vá sozinha a pé para a escola, deve optar por andar em grupo;

Dentro do coletivo, manter a bolsa, carteira e mochilas na frente do seu corpo. Em ônibus com poucos passageiros, procure viajar próximo ao motorista ou cobrador. Evitar ficar sozinho em pontos de ônibus isolados.

INFORMAÇÕES MASSA NEWS

Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO











ARAPOTI WEATHER