TEXTO: PORTAL A REDE.
FOTO:REPRODUÇÃO DO VÍDEO UEPG
Após 15 dias no Hospital Universitário Regional dos Campos Gerais (HURCG), a jovem Kezia Fernanda Lemes, 24 anos, pegou no colo pela primeira vez o filho que teve em coma. O bebê Miguel nasceu em um procedimento complexo de emergência, enquanto Kezia respirava por aparelhos após um acidente na PR-151, na entrada de Ponta Grossa. 


Ela recobrou a consciência no início da semana e teve alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) há dois dias. Com a saúde ainda frágil mas em uma rápida recuperação, Kézia recebeu o bebê em um dos leitos do HURCG. Ao ver a criança, ela se emocionou. O pai, Clodoaldo Mira, acompanhou o encontrou junto com a equipe de enfermeiros. Ele não quis gravar entrevista, mas considerou o caso um milagre. 

O acidente aconteceu no dia 25 de outubro, no trevo de acesso a Ponta Grossa da PR-151. O carro aonde Kezia estava bateu em um caminhão. No acidente, a jovem perdeu os pais Cícero Guimarães de Lemes e Iliete de Andrade Lemes.
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top