TSE cancela 2 milhões de títulos


Quase DOIS MILHÕES de eleitores brasileiros que não regularizaram sua situação poderão ter os títulos cancelados esse mês. Entram nessa lista quem não votou e não justificou a ausência nas TRÊS últimas eleições, ou não pagou as multas correspondentes. O prazo para regularizar a situação nos cartórios eleitorais já acabou.

Os dados do Tribunal Superior Eleitoral mostram que as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo são as que têm mais eleitores irregulares. Já em Brasília, apenas três eleitores estão com seus títulos irregulares.

Quem está com a situação irregular, terá o título cancelado automaticamente entre 17 a 19 de maio. Os eleitores ainda podem tentar regularizar a situação procurando a Justiça Eleitoral antes do dia 17 para orientações. Porém, o não cancelamento vai depender dos cartórios eleitorais de cada município.

Com o título cancelado, o eleitor não poderá se inscrever em concurso público, obter passaporte ou CPF, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo.

Os eleitores com voto facultativo, ou seja, analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos, ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a situação.

O cidadão pode consultar a situação perante a Justiça Eleitoral através do Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral do estado. E pode ainda ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.

Postar um comentário

0 Comentários

KELVE SUPERMERCADOS - MANIA DE VENDER BARATO



CONSTRÓI MATERIAIS E SERVIÇOS PARA CONSTRUÇÃO












ARAPOTI WEATHER