O projeto de Tecnologias para Destinação de Animais Mortos desenvolvido pela Embrapa Suínos e Aves, disponibilizou um novo vídeo com os resultados de pesquisa sobre as tecnologias validadas no Laboratório TEC-DAM, instalado em Concórdia-SC.

No vídeo, os pesquisadores Rodrigo Nicoloso, Airton Kunz, Paulo Armando de Oliveira e Valdir Avila abordam questões como o pré-processamento das carcaças por trituração ou desidratação e o tratamento das carcaças por compostagem tradicional e acelerada, biodigestão e incineração. O vídeo foi produzido pelo Núcleo de Comunicação Organizacional da Unidade e está disponível no canal da Embrapa no YouTube, ou diretamente no endereço: youtu.be/g8-neHoZQOs.


As orientações também estão em uma cartilha voltada a técnicos e produtores rurais sobre as tecnologias disponíveis para destinação de animais mortos nas granjas. No documento estão detalhadas todas as etapas dos processos, incluindo os procedimentos necessários para remoção dos animais mortos do local de criação, o armazenamento temporário das carcaças, o transporte até a unidade de tratamento e a destinação final do resíduo tratado.

Aspectos importantes relativos à biosseguridade das granjas também foram abordados, incluindo a localização e as características das construções e dos veículos utilizados para o manejo das carcaças, assim como higiene e desinfecção de equipamentos.

A cartilha pode ser baixada gratuitamente no site especial do projeto TEC-DAM no portal da Embrapa, no endereço www.embrapa.br/suinos-e-aves/tec-dam.




Lucas Scherer Cardoso (MTb/RS 10.158)
Embrapa Suínos e Aves

Telefone: 49 3441.0400
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top