WENCESLAU BRAZ - Por volta das 22H50MIN da sexta-feira (31) à equipe Policial estava em patrulhamento pela Rua Tiradentes na Vila Toioky, ao passar por um bar, populares abordaram a equipe relatando que uma mulher havia saído do local há pouco tempo e que a mesma estava armada; após obter as informações sobre as características da suspeita realizaram patrulhamento pelas imediações, e na Rua Dom Pedro II localizaram uma pessoa com as características da suspeita. A pessoa foi abordada e foi localizada com a senhora uma pistola calibre 32 de marca browning, conhecida como 380 ACP, carregada com cinco munições intactas. Os policiais deram voz de prisão à mesma que se encontrava muito alterada e reagiu à prisão, sendo necessário o uso de algemas. 

Dentro da viatura, a mulher gritava e xingava a equipe dizendo palavras de baixo calão. A senhora foi conduzida até o hospital São Sebastiao, onde foi atendida pelo médico plantonista, que atestou, através de um laudo, que a mesma não apresentava sinais de agressão física. Em seguida, ela foi encaminhada à 36ª Delegacia de Polícia para que fossem feitos os procedimentos padrões. 

Na Delegacia, continuou os xingamentos aos policiais militares e civis que estavam no local. A senhora se recusou a se identificar e se encontrava sem seus documentos pessoais, dificultando o trabalho dos policiais.
Reações:

Postar um comentário

 
Top