MJ Comunicações - Jacarezinho

O diretor da Regional de Saúde Alfredo Ayub explica que a Secretaria de Estado da Saúde conta hoje com um estoque estratégico de vacinas contra a febre amarela. Ela está disponível nas unidades de saúde e até o momento não houve falta de vacina.

Recentemente representante da Regional de Saúde participaram de reunião com explicações e orientações com representantes de todo o Estado em Curitiba. “Estamos tendo reposição de vacinas nos 22 municípios pertencente a Regional de Saúde. A população tem procurado, mas os vacinadores também avaliam as carteirinhas”, comenta Alfredo Ayub.

A responsável pelo setor de vacinas da Regional de Saúde Bruna Aparecida Hartmann explica que os cuidados devem ser redobrados para aquelas pessoas que vivem ou circulam em localidades próximas a rios e mata. “É de suma importância imunizar essas pessoas que viajarão para áreas de risco. Desta forma podemos nos proteger e evitar a reintrodução da febre amarela no Estado”, complementa.

A vacina está disponível nas Unidades de Saúde em todos os municípios e faz parte do calendário básico de vacinação. A primeira dose deve ser aplicada aos nove meses de idade e a segunda, de reforço, aos 4 anos. Apesar disso, ela pode ser tomada a qualquer momento até os 60 anos. Após essa faixa etária, somente com indicação médica. “A estratégia é a intensificação da vacina, e evitar lugares e áreas de risco para a transmissão da doença”, finaliza Bruna Hartmann.



Reações:

Postar um comentário

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do VOZ DO POVO. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O VOZ DO POVO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

 
Top