TEXTO: FACEBOOK DA CÂMARA MUNICIPAL DE ARAPOTI.
FOTOS: MAYARA CRYSTIANE DA SILVA/VOZ DO POVO.
Foi realizada neste sábado (11), na Câmara Municipal, a 2º Sessão Extraordinária de 2017. Dentre as cinco matérias, todas com com pedido de trâmite em regime de urgência e de autoria do Executivo, foram discutidos os Projetos de Lei que tratam sobre a reposição inflacionária de Servidores Públicos Municipais do Executivo e do Legislativo, de Professores do Magistério Municipal e dos Agentes Políticos Prefeito, Vice-Prefeito, Vereadores, Secretários Municipais e Procurador Geral. Os Projetos de Lei 1813 e 1814/17, que dispõem sobre a reposição inflacionária do Magistério e dos Servidores Efetivos de Arapoti do Legislativo e do Executivo, de 7,64 e 7,17%, conforme o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM), foi aprovado por unanimidade de votos. O índice será aplicado retroativamente a partir do dia 1º de janeiro de 2017, conforme data-base municipal. Já o Projeto de Lei 1815/17 que concede a mesma reposição aos Agentes Políticos, Prefeito, Vice-Prefeito, Vereadores e Secretários foi rejeitado de forma unanime entre os vereadores.



Reações:

Postar um comentário

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do VOZ DO POVO. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O VOZ DO POVO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

 
Top