Os suspeitos informaram que parte da droga encontrada com eles seria comercializada no município de Joaquim Távora.


No início da noite desta segunda-feira, dia 2, policiais militares da Rádio Patrulha efetuaram a prisão de 2 indivíduos pelo crime de tráfico de drogas. A ação policial teve início no bairro Santa Clara, estendendo-se até o centro da cidade.

Os meliantes transitavam em um veículo GM/Corsa pelo bairro Santa Clara quando foram vistos pela primeira vez. Os PMs realizaram o acompanhamento do referido automóvel até um posto de combustíveis, localizado no centro da cidade.

Ao estacionarem no pátio do posto, os policiais se aproximaram e rapidamente realizaram a abordagem nos ocupantes do veículo – ao todo quatro indivíduos – encontrando 16 pedras de crack dentro da carteira de um adolescente de 17 anos. Após o fato, os PMs realizaram buscas no interior do veículo, encontrando mais 11 pedras de crack e 17 buchas de maconha, que estava na porta da frente do lado do passageiro, escondidas dentro de um maço de cigarro. Um jovem de 18 anos assumiu a posse do entorpecente encontrado no automóvel.

O jovem e o adolescente, depois de indagados, informaram que parte de droga seria consumida e a outra comercializada no município de Joaquim Távora, local este para onde estavam se dirigindo.

Enquanto os PMs aguardavam outra equipe, o celular do maior tocou e o remetente solicitou a ele 10 pedras de crack. O jovem já é conhecido no meio policial pelo envolvimento com o tráfico de drogas, e em uma ocasião, quando ainda era menor, foi apreendido com mais de 2 Kg de maconha.

Diante das evidências e constantes denúncias informando o envolvimento do maior com o tráfico de entorpecentes, os policiais deslocaram até a residência do referido suspeito, localizando mais 3 pedras de crack de tamanho médio e 2 porções de maconha.

Assim, os envolvidos foram presos e conduzidos à delegacia de Carlópolis onde permanecerão à disposição da justiça.
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top