Policiais Militares da Agência Local de Inteligência desmantelaram uma quadrilha na data de ontem (07), que agiu em Ponta Grossa cometendo furtos. Quatro pessoas foram detidas.

Foram registradas ocorrências seguidas, realizadas da forma semelhante por autores com as mesmas características: eles abordavam as vítimas, trocavam algumas palavras e, na sequência, a vítima sentia falta de algum pertence. Em um dos casos, foi furtado um cartão que tinha a senha colada no verso, sendo efetuado saque em dinheiro em agência bancária.

Diante dessas informações, policiais militares da Agência Local de Inteligência do 1º BPM realizaram diligências pelos locais das ações criminosas, logrando êxito em abordar pessoas suspeitas. Na busca pessoal e identificação delas foram localizados alguns objetos furtados. Durante a ação policial, outra vítima chegou relatando que os abordados tinham acabado de furtar seus pertences também. Os detidos ainda indicaram o local onde dispensaram uma carteira com documentos que foi localizada pelos policiais.

Os detidos são moradores de Mato Grosso do Sul e, no quarto onde estavam hospedados na cidade, foram apreendidos produtos de origem não comprovada. Eles confessaram a autoria dos crimes e foram reconhecidos pelas vítimas. Os quatro, três rapazes e uma moça, foram encaminhados, junto aos objetos recuperados e apreendidos até a Delegacia para as devidas providências.

A Polícia Militar ressalta que vem atuando continuamente, através do policiamento ostensivo preventivo rotineiro e, também, através da Operação Presença, no combate à criminalidade, com ênfase aos furtos e roubos de quaisquer naturezas. Toda informação tem grande importância para o emprego estratégico do policiamento. Se for vítima de qualquer delito, registre junto a Polícia Militar!
Reações:

Postar um comentário

" Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do VOZ DO POVO. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O VOZ DO POVO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

 
Top