O presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Abelardo Lupion, e o prefeito de Arapoti, Braz Rizzi, realizaram uma reunião na sede da empresa, em Curitiba, nesta quarta-feira (22). No encontro, eles acertaram detalhes de obras em andamento no município e também de projetos que estão sendo elaborados em um trabalho integrado dos órgãos.


Desde 2011, Arapoti recebeu cerca de R$ 7 milhões em investimentos para o setor de habitação popular entre recursos do Governo do Paraná, governo federal e prefeitura. No período, foram entregues 117 casas populares na cidade e outras 19 na área rural. Estão em construção outras 50 unidades urbanas, cujas obras serão retomadas nas próximas semanas, e 20 rurais, com mais de metade do cronograma já executado.

O governo estadual e a administração municipal trabalham agora na viabilização da construção de mais 200 moradias através da utilização de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O estudo para implantação do empreendimento, que possui custo estimado em R$ 15 milhões, é feito de forma conjunta pelo poder público e a estimativa é de que a licitação para definir a construtora responsável pelas obras seja lançada em breve.

Segundo Lupion, o volume de ações realizadas em Arapoti demonstra o comprometimento dos entes públicos envolvidos. “Assim como o governador Beto Richa, o prefeito Braz é um gestor preocupado com a causa da habitação. Com isso, só quem tem a ganhar é a população de Arapoti”, avalia o presidente da Cohapar.

Atendimento aos funcionários públicos – Durante a reunião, as autoridades também conversaram sobre a possibilidade de construção apartamentos para o atendimento de servidores públicos através de um novo programa lançado pelo Governo do Paraná.

Rizzi aproveitou a oportunidade para agradecer o apoio que a administração municipal tem recebido do governo estadual. “Graças a essa parceria de sucesso, estamos realizando uma verdadeira revolução habitacional em Arapoti. Esperamos continuar contando com a ajuda do governador Beto Richa e do presidente Lupion para atender aos anseios da nossa população por moradias dignas”, declara o prefeito.

Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top