O prefeito Braz Rizzi fez uma reunião com os secretários em seu gabinete nesta semana para comunicar que estaria fazendo algumas trocas de secretários para as pastas de Chefia de Gabinete, Indústria e Comercio e Meio Ambiente.

Segundo informações publicadas no diário oficial da prefeitura as mudanças foram para a chefia de gabinete que agora ficara com Edilson Corsini Pereira que estava na pasta de Indústria de Comercio, e agora vai a cargo do ex. chefe de Gabinete Washington Luís Pietrochinski; para a Secretaria de Meio Ambiente assume o ex. Secretario de infraestrutura André Avelino Carvalho e Silva; a vaga deixada por André na infraestrutura será preenchida por Reginaldo Marco Felisbino que fazia parte dos colaboradores da infraestrutura.
CORSINI terá a incumbência de desenvolver não só a parte administrativa, mas o de continuar o bom trabalho deixado por Washington, durante a sua passagem pela pasta.
Washington, sem duvidas terá uma árdua tarefa de fazer o desenvolvimento econômico no município crescer, pois sabemos que nesta administração até agora esta pasta não existiu, e para isso tera que tentar “vender” a imagem do nosso município lá fora, na tentativa de que novos empresários venham se instalar e investir em nossa cidade, trazendo novos empregos, isso sem duvidas é o “calcanhar de Aquiles” da administração Braz Rizzi, mesmo que isso não seja  um problema só de Arapoti, e sim de todo o País devido a grande crise instalada. Na verdade Washington terá pouco tempo; mas com sua capacidade, se não conseguir trazer novos empregos, pelo menos fara um trabalho para tentar fortalecer as empresas que aqui estão e procurar não perder os empregos que já temos.
André Avelino assume a pasta do Meio Ambiente, que é detentora de imensas reclamações devido à ineficiência administrativa instalada na pasta, o lixo será a sua maior dor de cabeça, “limpar a cidade”, e tentar assim tirar a péssima imagem da Administração com relação à limpeza publica. Alem disso tem o problema da TAC que esta vencendo o prazo e não tem como resolver o problema do lixão dentro do tempo que resta.
Reginaldo vai ter que fazer milagre para em tão pouco tempo tentar reorganiza a infraestrutura; pois tem buracos por todo lado, falta calçadas, lombadas, postos de saúde precisando de reforma, estradas rurais; olha se for ficar relacionando o que tem de errado. Sem falar das obras paradas ou inacabadas. Agora nos vamos ver se a culpa era do André mesmo, se a infraestrutura não resolver os problemas neste tempo que resta pode ter certeza que a incompetência não era do André.

Agora se essas mudanças vão surtir efeito só o tempo vai dizer; mas o tempo é curto e é preciso olhar com mais atenção, pois existem outras pastas ineficientes na administração; pastas essas que são campeãs de reclamações, e outras que parecem nem existir. Também há cargos de confiança que parecem brincar com a inteligência da população.


Reações:

Postar um comentário

 
Top