O 2º Batalhão de Polícia Militar – Guardião do Norte Pioneiro – informou, nesta terça-feira (04/04/2016), dados estatísticos referentes às prisões de condutores de veículo automotor pelo crime de embriaguez ao volante “lei seca”, no período compreendendo entre os meses de janeiro a março de 2016.


No mês de Janeiro foram presos 18 condutores, mantendo o mesmo percentual de janeiro do ano passado. Já no mês de fevereiro houve um aumento de aproximadamente 7,69% se comparado a fevereiro de 2015, passando de 13 para 14 motoristas autuados no crime em questão. Em março, o número de condutores flagrados diminuiu bastante, passando de 37 para 23, o que equivale a uma queda percentual de -37,83%.

Os dados mostram que a atuação da Polícia Militar vem apresentando resultados positivos, onde se percebe uma queda considerável no mês de março, isso graças ao trabalho preventivo e ostensivo que a PM vem realizando em todo Norte Pioneiro.

Segue, abaixo, a representação gráfica dos dados apresentados:




 O Comandante do 2º BPM, Tenente-Coronel Antônio Carlos de Morais, falou sobre os resultados alcançados: “Além dos serviços de Rádio Patrulha que em seus patrulhamentos ordinários fiscalizam condutores suspeitos de estar embriagados, o 2º Batalhão possui também o GOTRAN – Grupo Operações de Trânsito – que atua em todo Norte Pioneiro, através dos blitz educativas e, em determinadas situações repressivas, fato que contribui significativamente para a conscientização da comunidade sobre as tragédias que ocorrem no trânsito, decorrentes da ação criminosa de condutores dirigindo sob efeito de álcool. Ressalto também que o endurecimento na legislação a fim de punir os condutores flagrados no crime de embriaguez ao volante, possui grande eficácia, pois a certeza de que serão punidos quando flagrados neste crime e sabendo que Polícia Militar está nas ruas, diuturnamente, faz o cidadão refletir antes de beber e dirigir.”

O 2º BATALHÃO ALERTA SOBRE AS PENALIDADES DO CRIME DE EMBRIAGUEZ AO VOLANTE: 

O 2º Batalhão alerta que sobre as sanções de dirigir embriagado: multa de R$1.915,40 suspensão do direito de dirigir por 12 meses, pena de detenção de seis meses a três anos e proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. Ressalta-se que ao ser preso em flagrante pelo crime de embriaguez ao volante, o condutor, além das sanções citadas anteriormente, tem que pagar fiança que inicia no valor de um salário mínimo (aproximadamente R$880,00), para responder o crime em liberdade.
Reações:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

 
Top