Policiais Militares do Serviço Reservado (P/2) do 1º Batalhão de Polícia Militar realizaram ao longo do mês de março de 2016 várias ações que acabaram por desmantelar uma quadrilha especializada em roubar veículos na cidade de Ponta Grossa e comercializá-los na fronteira com o Paraguai.

Os integrantes da quadrilha tiveram sua participação previamente confirmada em pelo menos seis assaltos registrados no município ao longo dos últimos dias. Em todos os delitos, usaram de extrema violência contra suas vítimas.

As duas últimas ações criminosas da quadrilha ocorreram na terça-feira (15/03), um assalto contra uma residência no Bairro Jardim Ipiranga, e um latrocínio que resultou na morte de um Policial Militar e sua namorada, encontrados na última quarta-feira (16/03) na região dos Alagados, área rural de Ponta Grossa.

O expressivo trabalho de inteligência realizado levou a PM até um endereço na Vila Vicentina, no Bairro de Uvaranas, onde na manhã desta quinta-feira (17) foi detido o primeiro integrante da quadrilha. O infrator, de 34 anos de idade, foi abordado no momento em que chegava em sua residência, à Rua Ferdinando Mathias Muller, vindo do município de Guaíra/PR, onde havia comercializado uma caminhonete NISSAN/Frontier, roubada do casal encontrado morto em Ponta Grossa.

Durante as diligências no interior daquele imóvel, que resultaram na apreensão de parte do dinheiro da venda do veículo roubado, pouco mais de 4 mil reais, outros três integrantes do grupo criminoso chegaram ao local, sendo uma adolescente de 15 anos de idade, e dois rapazes de 18 anos, ambos armados de revólver.

Ao perceberem a presença da PM, os suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais, mas acabaram alvejados durante o confronto. Equipes do SAMU e do SIATE foram prontamente acionadas para o local, mas os infratores não resistiram aos ferimentos, entrando em óbito. A adolescente foi apreendida e confirmou a atuação do grupo criminoso em vários roubos ocorridos em Ponta Grossa.

Novas informações foram obtidas no local do confronto, as quais levaram as equipes policiais até outra residência, no Residencial Costa Rica II, Bairro Neves, onde foi localizado mais um componente da quadrilha. Portando uma arma de fogo (revólver), o infrator, de 23 anos de idade, tentou empreender fuga, mas foi alcançado pela PM. Desobedecendo às ordens policiais, o infrator resistiu à prisão, mas também acabou alvejado por disparos de arma de fogo, entrando em óbito, apesar do imediato acionamento das equipes de socorro médico. Contra ele havia um mandado de prisão expedido pela justiça, em virtude de seu envolvimento em crimes de homicídio e furto.

No imóvel do Residencial Costa Rica II foi encontrado ainda outro adolescente (16), o qual confessou ter participado do assalto à residência no Jardim Ipiranga, ocorrido na terça-feira (15), indicando à PM onde estavam escondidos alguns produtos do roubo. Um veículo VW/Saveiro e um colete balístico foram recuperados.

Persistindo nas diligências, um terceiro imóvel foi abordado pela PM, agora na região do Jardim Panamá, onde foi detido um rapaz de 18 anos de idade. Com ele os policiais apreenderam outro revólver, utilizado nos assaltos, além de 11 “buchas” de maconha e uma balança de precisão.

Equipes do Instituto de Criminalística e IML compareceram aos locais de confronto, para a adoção das medidas legais necessárias. Ao todo, a operação resultou na detenção de quatro pessoas, e na apreensão de quatro armas de fogo, tudo encaminhado à delegacia local para os procedimentos necessários.
Reações:

Postar um comentário

 
Top